domingo, 27 de março de 2016

Mal traçadas linhas 16

        Tenda, poço e altar.

         Certa vez li na Bíblia que Isaac, sempre adiante, fugindo de provocações, não permitia revanche de seus pastores, quando pastores alheios entulhavam os poços que os seus próprios haviam cavado.
         Lá na frente, cessadas as provocações, visto que Isaac cedeu, cansando seu desafeto,
 demonstrando ser Isaac pacífico e pacificador, finalmente puderam seus obreiros cavar poços definitivos, erguer tendas e levantar altares.
       Pois aí estão três figuras que bem representam o destino do homem na face da terra: cavar poços, erguer tendas e levantar altares.
      Jesus disse certa vez, pretensão dele ou verdade que, quem cresse nEle, como que de seu interior fluiriam rios de água viva. Onde cada homem estiver, que tenha como destino seu ser poço perene, fonte de águas vivas nesse mundo carente de saciar-se de sua sede, lavar-se de sua sujeira e necessitado de refrigério para sua alma e suas dores.
        Que levante altares a Deus, reconhecendo que Ele se agrada da verdade no íntimo e, como disse Jesus à samaritana, que Ele procura verdadeiros adoradores. Assim como exortou Elias, que seja em
 cada homem restaurado o altar do Senhor.
         E que por onde andem os homens, de quando em vez, por cansaço ou intuição, levantem ali sua tenda. Nunca esqueça, homem/mulher, que são peregrinos na terra e, como disse Jesus, ilusão sua: o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça.
          Na verdade, esse Jesus disse que edificaria sua igreja, sua eklesia, sua comunidade. Para isso, pelo menos, eu acho, dizendo isso, deve ter um padrão, um modelo, uma matriz. Pois ninguém como ele armou uma tenda, cavou fonte de água de vida ou ergueu um altar. Na verdade, ser igreja dele, ser igreja como resultado da comunhão com ele, constitui-se saber fazer assim, como ele fez , ao longo da vida.
        Levante, arme e desarme sua tenda, erga um altar e cave um poço. Se você for esse tipo de homem que, por onde anda, de dentro de você brotam rios de água viva, perto de você sobe desse altar erguido aroma suave ao Senhor, cheiro que agrada a Deus, perfume de Cristo e, por fim, se por onde você passa, que seja por breve tempo, você ergue a tenda que traz consigo, muito parecido com Jesus você se tornou. Você, na vida, é um verdadeiro boêmio. Você é igreja, e isso basta.

       

Nenhum comentário:

Postar um comentário